Última hora

Última hora

Estados Unidos: Passageiros de um cruzeiro surpreendidos por um vírus

Em leitura:

Estados Unidos: Passageiros de um cruzeiro surpreendidos por um vírus

Tamanho do texto Aa Aa

Os participantes num cruzeiro da Royal Caribbean viram a viagem de dez dias reduzida pelos efeitos de um vírus.

O Explorer of the Seas foi obrigado a atracar no porto de Bayonne, na Nova Jérsia, depois de mais de 600 dos passageiros e 54 membros da tripulação manifestarem os sintomas da virose.

“Eu ia a descer as escadas e vi muita gente no centro médico. Havia muita gente lá em baixo durante horas. Quando voltei lá abaixo de manhã, havia cerca de 300 pessoas, voltei de novo, a seguir ao almoço e havia outras tantas…”

“Foi uma situação muito complicada. A Royal Caribbean apoiou-nos e forneceu-nos tudo o que precisámos. O problema é que aconteceu tão de repente e havia tantos casos… Eles não estavam preparados para o que aconteceu”.

O vírus ainda foi identificado, mas as autoridades sanitárias falam de um norovírus, um tipo de vírus que se transmite pela água ou alimentos contaminados e provoca gastroenterites.

Os norovírus são associados a locais confinados como navios, asilos ou ambientes hospitalares.