Última hora

Última hora

Khalil: o rosto da esperança

Em leitura:

Khalil: o rosto da esperança

Tamanho do texto Aa Aa

Chama-se Ghina Khalil, tem 14 meses e é uma sobrevivente. Foi resgatada dos escombros há pouco mais de uma semana na cidade de Alepo, no norte da Síria, depois de um alegado ataque da força aérea. Pelo menos 10 pessoas morreram e mais de 20 ficaram feridas.

As crianças são as primeiras vítimas do conflito. De acordo com o Observatório Sírio dos Direitos do Homem mais de 7 mil foram mortas desde março de 2011.

Mais do que um vídeo, estas imagens divulgadas nas redes sociais tornaram-se um símbolo de esperança num país mergulhado numa guerra civil. Khalil terá passado três minutos soterrada. Os gritos da criança conduziram as equipas de resgate ao local e fizeram deste um momento memorável.