Última hora

Última hora

O lento despertar de Schumacher

Em leitura:

O lento despertar de Schumacher

Tamanho do texto Aa Aa

Michael Schumacher começou o longo caminho para recuperar a consciência. De acordo com a agente do alemão, Sabine Kehm, a medicação que o mantém num estado de coma induzido está a ser reduzida no entanto o processo é lento e não existe uma data prevista para a recuperação.

Schumacher encontra-se no Hospital de Grenoble desde o dia 29 de dezembro, quando um acidente enquanto esquiava lhe provocou uma hemorragia cerebral grave. O coma artificial serve para evitar a dilatação dos coágulos sanguíneos no crânio.

De acordo com a comunicação social francesa, que já tinha citado fontes internas do hospital para adiantar o início do despertar de Schumacher, o piloto estava a reagir de forma positiva ao tratamento.

No entanto a agente do alemão classificou todas as notícias não provenientes da equipa médica como especulação.