Última hora

Última hora

Filha adotiva de Woody Allen revela detalhes do alegado abuso sexual praticado pelo cineasta

Em leitura:

Filha adotiva de Woody Allen revela detalhes do alegado abuso sexual praticado pelo cineasta

Tamanho do texto Aa Aa

Dylan Farrow, filha adotiva de Woody Allen, relatou numa carta aberta os supostos abusos sexuais que sofreu aos sete anos por parte do cineasta.

A carta, publicada na edição digital do “The New York Times”, conta em pormenores o suposto assédio que terá ocorrido no início dos anos 90 do século passado.

O caso foi divulgado em 1993, mas Woody Allen sempre negou as acusações e nunca chegou a ser julgado.

O irmão de Dylan Farrow, Ronan, já tinha criticado a homenagem ao cineasta feita na última edição dos “Globos de Ouro”.

Agora com 28 anos, a alegada vítima diz que o que aconteceu na altura a perseguiu sempre e que sofreu por isso distúrbios alimentares e teve dificuldades em relacionar-se com homens.