Última hora

Em leitura:

Sochi 2014: Quartos sem água e o mistério dos cães desaparecidos


Desporto

Sochi 2014: Quartos sem água e o mistério dos cães desaparecidos

Os Jogos Olímpicos de Sochi são os mais caros da história, com um investimento superior a mais de 37 mil milhões de euros. Se considerarmos apenas os jogos de inverno, custaram mais que os outros todos juntos.

No entanto nem por isso as instalações impressionam pelo luxo ou pela rapidez com que foram executadas. A três dias da cerimónia de abertura, ainda há vários pormenores por resolver.

Quartos sem água, pintados de fresco ou mesmo por concluir, tem sido um cenário comum para os jornalistas que já se encontram na cidade russa.

Além dos problemas de alojamento, multiplicam-se também os relatos de que os cães a gatos da cidade têm vindo a ser executados.

Os animais têm desaparecido mas para a organização, a explicação é simples: “Temos um serviço especial que recolhe cães, é um serviço municipal. Tanto quanto sei, a cidade tem um canil ou um abrigo mas a recolha também é feita para proceder a exames de saúde.”

Polémicas à parte, falta cada vez menos para todos esses problemas serem relegados para segundo plano e passarem a brilhar as verdadeiras estrelas: os atletas.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

Desporto

Sochi 2014: A fortaleza olímpica