Última hora

Última hora

Templo Dourado: Reino Unido assume papel limitado no ataque

Em leitura:

Templo Dourado: Reino Unido assume papel limitado no ataque

Tamanho do texto Aa Aa

O Reino Unido ajudou a Índia a planificar o ataque contra o Templo Dourado, em 1984.

Pelo menos é o que revela a mais recente investigação encomendada pelo chefe de governo britânico.

Esta terça-feira, e perante o Parlamento, o ministro dos Negócios Estrangeiros confirmou a ajuda, mas garantiu que os conselhos – dados numa fase inicial -nem sequer foram seguidos.

“A operação Blue Star foi um assalto terrestre sem o elemento surpresa e sem recurso a qualquer helicóptero. O relatório conclui, portanto, que os conselhos dados pelos militares britânicos tiveram um impacto limitado na operação” afirma William Hague.

O ataque contra os separatistas siks em Amritsar provocou um banho de sangue. O número de vítimas, ainda, não é claro. O balanço oficial aponta para cerca de 600. Mas há relatórios que dão conta de 3000 mortos.

A Índia pretendia com o assalto ao Templo Dourado pôr fim às reivindicações dos separatistas sik que lutavam por um estado independente.

Poucos meses depois do ataque, e como medida de retaliação, a primeira-ministra, Indira Gandhi, acabaria por ser assassinada pelos próprios guarda-costas.