Última hora

Última hora

Tunis: governo acelera combate aos islamistas radicais

Em leitura:

Tunis: governo acelera combate aos islamistas radicais

Tamanho do texto Aa Aa

Um polícia e sete suspeitos de terrorismo foram mortos numa operação antiterrorista das forças de segurança tunisina num bairro do norte da capital.

Entre os mortos figuram os autores de um ataque que matou oito agentes em agosto passado, na província de Kaserin e também Kamel Gadhgadi, principal suspeito do assassínio do opositor Chokri Belaid, em fevereiro de 2013.

O governo do novo primeiro-ministro, Mehdi Yuma, empossado pelo parlamento na semana passada, multiplicou as operações policiais e militares para combater a violência de grupos islamitas que abala o país desde a revolução de 2011.