Última hora

Última hora

Ações do Twitter caiem mais de 20%

Em leitura:

Ações do Twitter caiem mais de 20%

Tamanho do texto Aa Aa

As ações da rede Twitter caíram esta quinta-feira mais de 20% em Wall Street, depois da empresa ter anunciado prejuízos de cerca de 492 milhões euros em 2013 e uma quebra na adesão de novos utilizadores.

Após uma bem sucedida entrada na bolsa no último trimestre de 2013, as receitas do Twitter cresceram, mas a empresa continua a perder dinheiro, apesar do volume de negócios ter aumentado no último trimestre, atingindo 243 milhões de dólares.

Desde a introdução em bolsa, que o preço das ações do Twitter mais do que duplicou. A rede social terminou o ano com um prejuízo de 645 milhões de dólares, 511 milhões dos quais no último trimestre, após a entrada na bolsa.

Depois dos resultados terem sido anunciados, as ações da rede social cairam 18% na bolsa.

Os analistas lançam o alerta: a plataforma perdeu o ritmo de crescimento inicial e regista uma baixa importante na adesão de novos utilizadores. É a opinião de Scott Kessler, responsável pela investigação tecnológica na S&P Capital IQ, segundo o qual “O aumento de utilizadores é aqui a questão decisiva. O Twitter parece ter sido mais um sucesso episódico, uma ação episódica, mas tudo indica que o episódio de certo modo perdeu pé quando se joga o que é fundamental”.

Face aos maus resultados desta quinta-feira, o CEO do Twitter, Dick Costolo, anunciou que a companhia vai tornar mais fácil a utilização da plataforma, contando assim atrair maior número de utilizadores.

Em comparação com o ano anterior, o grupo duplicou o volume de negócios em 2013, para 665 milhões de dólares.

Mais de 90% dos rendimentos desta rede social provêm da venda de publicidade.