Última hora

Última hora

Novo episódio da novela de alegado incesto Woody Allen-Dylan Farrow

Em leitura:

Novo episódio da novela de alegado incesto Woody Allen-Dylan Farrow

Tamanho do texto Aa Aa

Woody Allen volta a negar ter abusado sexualmente da enteada, depois de Dylan Farrow voltar a acusar o ex-padrasto e pai adotivo de o ter feito.

Numa carta aberta ao New York Times, o realizador classificou as reiteradas acusações da filha de Mia Farrow como “burlescas”.

A maneira de Hollywood, é uma “never ending story”, uma novela interminável que começou em 1992, com as primeiras alegações de abusos sexuais. Dylan tinha então sete anos. Após exames médicos, um hospital independente declarou a ausência de abusos sexuais. Mas um tribunal considerou haver “matéria” para um caso, embora não tenha avançado com um processo.

Woody Allen – entretanto casado com Soon-Yi, uma outra filha adotiva da ex-mulher, Mia Farrow – acusa esta última de estar na origem das novas acusações, reiteradas duas décadas depois das primeiras e, sobretudo, na altura em que o seu último filme, Blue Jasmine, recebeu três nomeações aos Oscares.