Última hora

Última hora

Manifestantes ucranianos deixam mensagem à UE: "Enjoy the silence"

Em leitura:

Manifestantes ucranianos deixam mensagem à UE: "Enjoy the silence"

Tamanho do texto Aa Aa

Um protesto silencioso destacou-se entre o ruído dos milhares de manifestantes que voltaram a ocupar a Praça da Independência, em Kiev. O grupo passou pelo local em direção à Embaixada Alemã, onde deixaram críticas ao silêncio da União Europeia sobre a situação da Ucrânia.

Na Praça Maidan, o líder da oposição Vitaly Klithsko fez dois pedidos: um para que os protestos se estendam a toda a Ucrânia e outro para que se chegue a um acordo.

“À medida que continuamos a manifestar-nos, cabe ao poder, em primeiro lugar ao Presidente encontrar um compromisso entre ele, o poder e as pessoas”, sublinhou Klitshko.

Há 80 dias que a Ucrânia vive uma crise política. Os protestos começaram com a decisão do presidente Viktor Ianoukovitch de reforçar os laços com a Rússia, em detrimento de um acordo de associação com a União Europeia. A introdução de leis para limitar os protestos incendiou as manifestações.