Última hora

Última hora

Primeiro-ministro australiano vai passar sete dias com aborígenes

Em leitura:

Primeiro-ministro australiano vai passar sete dias com aborígenes

Tamanho do texto Aa Aa

O Primeiro-ministro australiano afirmou, esta quarta-feira, no parlamento, que planeia passar uma semana, ainda este ano, com os aborígenes do deserto australiano.

Tony Abbott quer concentrar a atenção nacional na situação, que considera desoladora, dos povos indígenas:

“Depois de 226 anos de um interesse, no máximo intermitente, porque é que os aborígenes, não podem ter, finalmente, a atenção do Primeiro-ministro durante sete dias?”

A situação dos indígenas australianos melhorou mas não o suficiente. Segundo o relatório anual do parlamento a esperança média de vida continua a ser menor. Já as taxas de mortalidade infantil e desemprego são maiores.

O processo de integração destes povos começou em 2008, com um pedido de desculpas, histórico, do Primeiro-ministro, Kevin Rudd, pelos erros do passado.