Última hora

Última hora

Argumentista de "Drive" mostra filme de estreia em Berlim

Em leitura:

Argumentista de "Drive" mostra filme de estreia em Berlim

Tamanho do texto Aa Aa

O argumentista Hossein Amini apresentou na Berlinale o seu primeiro filme.

Britânico de origem iraniana, Amini já foi várias vezes distinguido como argumentista (nomeadamente com uma nomeação para um óscar) mas é a primeira vez que realiza uma obra.

O filme é uma adaptação de um romance de Patricia Highsmith.

Para o argumentista de “Drive” trata-se de um sonho antigo:

“Há 25 anos, mais de metade da minha vida, quando era estudante da universidade queria adaptar o livro para o cinema. Foi uma longa viagem mas tornou a ideia mais valiosa porque é fantástico ter de esperar para que uma coisa aconteça”, explicou o realizador.

“The two faces of january” desenrola-se em 1962 em Atenas e conta a história de um vigarista que mata um polícia grego e é auxiliado pela mulher e por um guia. O trio entra num jogo de alto risco com as autoridades enquanto tenta encobrir o crime e fugir de Atenas.

O elenco apresentou o filme numa conferência de imprensa em Berlim.

“A única coisa que posso dizer é que a personagem tem de mentir e perder e as coisas têm de acabar mal para toda agente. Desde que o faça, trata-se de um filme negro, onde quer que a ação se desenrole. Isso acontece no filme. O que é fantástico nestas personagens é que têm sempre segredos. e é esse o tema da história: a máscara que cai”, disse Viggo Mortensen.

Depois da estreia em Berlim, o filme chega às salas de cinema portuguesas a 10 de abril.