Última hora

Última hora

Autoridades líbias desmentem cenário de golpe de Estado

Em leitura:

Autoridades líbias desmentem cenário de golpe de Estado

Tamanho do texto Aa Aa

A Líbia está a ser abalada por rumores de que está em preparação um golpe de Estado.

O primeiro ministro Ali Zeidan diz que o país está seguro, desmentindo as palavras do general Khalifa Aftar, que numa aparição televisiva alarmista pediu que o exército salvasse o país e dissolvesse o parlamento.

A Líbia nunca encontrou a estabilidade política desde a deposição do regime de Kadhafi em 2011. As milícias armadas têm um poder crescente, que o exército tem dificuldade em controlar.

O chefe de Estado Maior do exército líbio, Abdel Salam Jadallah, ameaçou responder caso haja um golpe: “Estão a aproveitar-se desta crise política para governar o país de forma ilegal. As forças do Estado e os revolucionários vão opor-se a quaisquer planos para depor o parlamento ou o governo à força”.

Os conflitos entre os grupos armados rivais continuam a descredibilizar o governo interino do país, que continua sem uma nova constituição. O parlamento está dividido entre os nacionalistas e os islamitas, ligados à Irmandade Muçulmana do Egito.