Última hora

Última hora

John Kerry equipara alterações climáticas a terrorismo

Em leitura:

John Kerry equipara alterações climáticas a terrorismo

Tamanho do texto Aa Aa

Os Estados Unidos começam a mudar de discurso em relação aos às alterações climáticas.

O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, considerou, numa visita oficial à Indonésia, que as alterações meteorológicas e os desastres que originam como secas e inundações, são uma ameaça equiparável ao terrorismo.

“Quando penso em ameaças globais: penso em terrorismo, epidemias, pobreza, a proliferação de armas de destruição em massa… São desafios que não conhecem fronteiras. A realidade é que as alterações climáticas estão ao mesmo nível de cada um deles,” assegura Kerry.

Os Estados Unidos são o segundo país mais poluidor do mundo e nunca ratificaram o Protocolo de Quioto. Com o país a ser fustigado por secas severas na costa oeste e tempestades de neve e inundações na costa leste, e com o impacto que estas intempéries têm na economia, o governo norte-americano pretende tomar medidas. Barack Obama anunciou, este sábado, um fundo de mil milhões de dólares, cerca de 730 milhões de euros, para combater o impacto das alterações climáticas no país.