Última hora

Última hora

Conheça os seus antepassados em Londres

Em leitura:

Conheça os seus antepassados em Londres

Tamanho do texto Aa Aa

Os nossos antepassados não eram muito diferentes de nós, talvez um pouco mais morenos devido à exposição ao sol.

A reconstituição de um homem moderno de há dez mil anos é um dos destaques do Museu de História Natural, em Londres.

A mostra pretende ilustrar a forma como os homens viviam e evoluíram nos territórios que compõem hoje a Grã-Bretanha.

“Se recuarmos até ao começo, há 900 mil anos, a Grã-Bretanha era um sítio muito diferente. Chegou a ser quente, havia elefantes e rinocerontes e hipopotamos no rio Tamisa. Noutras alturas no tempo deste homem estava mais frio, havia renas e mamutes adaptados ao frio. A Grã-Bretanha foi de um extremo ao outro” , explicou Chris Stringer, diretor de Investigação do Departamento de Origens Humanas do Museu de História de Londres.

Ossos encontrados há quinhentos mil anos sugerem que os nossos antepassados comiam os familiares falecidos.
Segundo o arqueólogo, Simon Parfitt, não se tratava apenas de comer proteínas mas de executar um ritual.

“Penso que há ligações com rituais porque também descobrimos que os crânios eram muito diferentes. Não há marcas de dentes nos ossos da cara e do maxilar. A cabeça era tratada de forma diferente. Em vez de enterrarem os mortos, isso fazis parte integrante do ritual”, disse Simon Parfitt, investigador do Instituto de Arqueologia do University College London.

A exposição intitula-se “Um milhão de anos da História Humana”, reúne mais de 200 objetos e pode ser vistada até finais de setembro no Museu de História Natural em Londres.