Última hora

Última hora

Líderes da oposição ucraniana reuniram-se com Angela Merkel

Em leitura:

Líderes da oposição ucraniana reuniram-se com Angela Merkel

Tamanho do texto Aa Aa

Os líderes da oposição da Ucrânia, Vitali Klitschko e Arseni Iatseniuk, encontraram esta segunda-feira, em Berlim, a chanceler Angela Merkel e diversos membros da CDU.

Encontro onde foi pedida a influência da Alemanha para o apoio financeiro da União Europeia ao país. Em troca, ficaram promessas de condução da Ucrânia para a via democrática.

Durante uma conferência de imprensa no Bundestag, Arseni Iatsenuik afirmou:

“Estamos determinados a ter um governo inclusivo no nosso país, não um governo corrupto mas democrático e pró-europeu, de forma a que este governo credível possa ter o apoio ao investimento dos parceiros europeus para estabilizar a situação financeira. E precisamos de uma relação transparente com os nossos parceiros russos”.

A crise conhece agora um momento de acalmia. Os manifestantes libertaram a câmara de Kiev e a lei da amnisitia entrou em funcionamento.

A desocupação do edifício da câmara, era a condição sine qua non para a aplicação da lei.

Para esta terça-feira está prevista uma sessão parlamentar para discutir a reforma da constituição.

Mas, o chefe do partido nacionalista, Svoboda Oleg Tiagnybok apelou a uma nova manifestação.