Última hora

Última hora

Ucrânia: Comunidade internacional multiplica apelos ao diálogo

Em leitura:

Ucrânia: Comunidade internacional multiplica apelos ao diálogo

Tamanho do texto Aa Aa

A comunidade internacional teme o início de uma guerra civil na Ucrânia e apela às partes em conflito que cessem a violência.

A alta representante da diplomacia europeia, Catherine Aston, manifestou-se muito preocupada e exorta as autoridades ucranianas a atacar “as raízes da crise”.

Além das instituições europeias e internacionais, alguns países, como a França e os EUA, manifestaram preocupação com os confrontos. Em comunicado, o governo francês condenou o regresso da violência e denunciou o uso indiscriminado da força, ao mesmo tempo Berlim avisa que a UE pode reconsiderar a aplicação de sanções contra os responsáveis pelo derramamento de sangue.

A Casa Branca exortou o presidente ucraniano, Viktor Ianukovitch, a acabar com a escalada de violência e ressaltou que o recurso à força não resolverá a crise.