Última hora

Última hora

Facebook compra WhatsApp por 11,6 mil milhões de euros

Em leitura:

Facebook compra WhatsApp por 11,6 mil milhões de euros

Tamanho do texto Aa Aa

O Facebook vai investir 16 mil milhões de dólares – cerca de 11,6 mil milhões de euros – na aquisição da aplicação para “smartphones” WhatsApp.

A empresa de Mark Zuckerberg acordou a compra mediante o pagamento em dinheiro de 4 mil milhões de dólares (2,9 mil milhões de euros) mais 12 mil milhões euros (8,7 mil milhões de euros) em ações da própria rede social.

Ao negócio poderão ainda somar-se mais 3 mil milhões de dólares (2,2 mil milhões de euros) em ações restritas, que o Facebook deverá oferecer aos criadores da WhatsApp, incluindo Jan Koum, o qual deverá passar a sentar-se na administração da empresa que gere a rede social.

O jornal “The New York Times” descreve esta operação como a maior aquisição de sempre realizada pelo Facebook, que há pouco adquiriu a aplicação de fotografia Instagram por mil milhões de dólares (720 milhões de euros). Mark Zuckerberg, por seu turno, justifica a aposta na WhatsApp porque a aplicação “está no caminho para ligar mil milhões de pessoas”, o que representa para o empreendedor tecnológico um ativo “extremamente valioso.”

O negócio, contudo, não parece estar ainda fechado. O jornal nova-iorquino refere que caso o acordo não se concretize, o Facebook terá de indemnizar os proprietários da WhatsApp em cerca de mil milhões de dólares (720 milhões de euros)