Última hora

Última hora

Ucrânia: Parlamento afasta chefe de Estado

Em leitura:

Ucrânia: Parlamento afasta chefe de Estado

Tamanho do texto Aa Aa

O Parlamento ucraniano aprovou, hoje, a destituição do chefe de Estado e agendou as eleições presidenciais antecipadas para 25 de maio.

O chefe da diplomacia britânico já saudou os “avanços extraordinários” na Ucrânia e diz estar disponível para apoiar um novo governo e desbloquear uma ajuda financeira por parte do FMI.

A líder da oposição ucraniana, Iulia Timochenko, condenada a sete anos de prisão em 2011 por abuso de poder foi, entretanto, libertada.

A antiga primeira-ministra já saiu hospital-prisão onde estava internada devido a problemas de saúde. No exterior dezenas de pessoas esperaram e saudaram a libertação de

Neste momento Timochenko está a caminho de Kiev e da Praça da Independência onde é aguardada por centenas de manifestantes. A Praça da Independência é ficará, para sempre ligada a um momento de viragem na Ucrânia.

Viktor Yanukovich terá tentado, entretanto, apanhar um avião com destino à Rússia, mas terá sido impedido pelas autoridades aeroportuárias.

A informação está a ser avançada pelo presidente do Parlamento

O homem que assume a liderança do país desde 2004 estará neste momento na região pró-russa de Donestk, no leste da Ucrânia.