Última hora

Última hora

Portugal com desempenho modesto no segundo dia do campeonato de Judo de Dusseldorf

Em leitura:

Portugal com desempenho modesto no segundo dia do campeonato de Judo de Dusseldorf

Portugal com desempenho modesto no segundo dia do campeonato de Judo de Dusseldorf
Tamanho do texto Aa Aa

Grande Prémio da Federação Internacional de Judo, a decorrer em Dusseldorf, na Alemanha. Os quatro campeões deste sábado foram Marta Labazima (menos 63), Assmaa Niang (menos 70 quilos), de Marrocos, Hiroyuki Akimoto (menos 73 quilos) e Travis Stevens (menos 81 quilos).

Na categoria menos 63 quilos mulheres, a medalha de prata da Europa, a russa Marta LABAZINA, derrotou a campeã mundial Yarden GERBI, de Israel, conseguindo o ouro.

Na categoria menos 70 quilos mulheres, a campeã africana Assmaa NIANG, de Marrocos, arrabatou o ouro contra medalha de bronze do Open Europeu de Roma, a britânica Sally CONWAY, conseguindo o melhor resultado da sua carreira.

O japonês Hiroyuki Akimoto saíu vitorioso na categoria menos 73 quilos homens, derrotando o israelita Sagi MUKI. O japonês teve um desempenho fulgurante na última sequência, a apenas oito segundos do fim.

Nos menos 81 quilos homens, o norte-americano Travis STEVENS dominou o adversário alemão, Sven MARESCH.

Os quatro judocas portugueses em ação conseguiram uma única vitória, que pertenceu a André Alves, na categoria menos 73 quilos. Nesta mesma categoria, Jorge Fernandes perdeu o combate inaugural com o ucraniano Volodymyr Soroka, enquanto João Pina e Carlos Luz, ambos em menos 81 quilos, tiveram igual sorte, frente ao bielorrusso Aliaksandr Stsiashenka e ao georgiano Ushangi Margiani.

No domingo, último dia de competição, entram no tatami mais dois portugueses: Yahima Ramirez, na categoria menos 78 quilos, que se vai estrear frente à peruana Maite Bellota, e Jorge Fonseca, em menos 100 quilos, que no combate inaugural enfrentará o árabe Ivan Remarenco.

Este Grande Prémio conclui no domingo com os combates dos 78 e mais de 78 quilos para mulheres, e dos 90, 100 e mais de 100, para homens.