Última hora

Última hora

Liga dos Campeões: Furacão Real varreu Gelsenkirchen

Em leitura:

Liga dos Campeões: Furacão Real varreu Gelsenkirchen

Tamanho do texto Aa Aa

Só uma hecatombe nunca antes vista no futebol europeu impedirá o Real Madrid de marcar presença nos quartos-de-final da Liga dos Campeões.

Os merengues estiveram absolutamente irresistíveis em Gelsenkirchen, golearam o Schalke 04 por 6-1 e desfizeram por completo todas as noções de história e estatística. Antes do encontro apenas registavam uma vitória em 25 encontros na Alemanha.

O trio atacante da equipa espanhola esteve verdadeiramente endiabrado. Karim Benzema, Gareth Bale e Cristiano Ronaldo marcaram dois golos cada.

Klaas Jan Huntelaar, já ao cair do pano, fez o tento de honra dos alemães. Um verdadeiro golo galáctico contra a sua antiga equipa.

O Real mostrou que é um forte candidato a vencer o décimo título europeu dia 24 de maio no Estádio da Luz. Já O Schalke mostrou não ter andamento para este nível.

Galatasaray e Chelsea adiam decisão para Londres

Em Istambul, Galatasaray e Chelsea empataram a uma bola. Fernando Torres abriu o ativo para os londrinos logo aos nove minutos e durante grande parte do encontro deu a sensação que os ingleses já tinham arrumado o assunto.

Controlaram a partida até aos 60 minutos e desperdiçaram várias oportunidades para fazer o 2-0.

Na última meia hora de jogo os turcos partiram para cima dos ingleses. Chegaram ao empate aos 64 por Aurélien Chedjou na sequência de um pontapé de canto.

Um golo que não alterou em nada a atitude do Chelsea em campo, contente com o empate no terreno do seu adversário. Já o Galatasaray bem tentou mas não conseguiu voltar a ultrapassar a muralha defensiva dos londrinos.

O empate deixou tudo em aberto para o encontro da segunda mão em Stamford Bridge, com o favoritismo a pertencer naturalmente à equipa de José Mourinho. Joga em casa e tem para já a vantagem do golo marcado fora.