Última hora

Última hora

Passageiros em terra na Crimeia: "não temos medo"

Em leitura:

Passageiros em terra na Crimeia: "não temos medo"

Tamanho do texto Aa Aa

Por razões de segurança, muitos passageiros ficaram em terra depois de confirmada a presença de homens armados no aeroporto internacional de Simferopol, na Crimeia. Alguns vão ter esperar até domingo para seguir viagem para a Turquia, mas é com tranquilidade que encaram os últimos acontecimentos.

“Não tenho medo. Só porque são homens armados? Passamos por um período em que tínhamos receio, mas esse já não é o caso” afirma um homem.

“Estou tranquila e não espero qualquer intervenção militar” adianta uma mulher.

“Em tempo de paz, é um pouco estranho ver pessoas armadas junto ao aeroporto internacional, mas é fruto da situação que se vive na Ucrânia. Para já a situação está calma. Não ouvi tiros e parece tudo normal” conclui um homem.

O governo ucraniano tem outra opinião e já pediu uma reunião urgente do Conselho de Segurança das Nações Unidas para debater a situação na república autónoma da Crimeia.

Euronews: “O que está em jogo na Ucrânia é de longe mais importante do que na Crimeia e o separatismo pode ser uma carta decisiva para pressionar o novo governo em Kiev que Moscovo continua a não reconhecer.”