Última hora

Última hora

Venezuela: Continuam os protestos e a violência nas ruas

Em leitura:

Venezuela: Continuam os protestos e a violência nas ruas

Tamanho do texto Aa Aa

A Venezuela está imersa num conjunto de protestos em que nas últimas semanas pelo menos 18 pessoas morreram, mais de 260 ficaram feridas e 700 foram detidas.

Esta segunda-feira registaram-se em Caracas novos confrontos entre manifestantes e a polícia depois de a oposição apelar à continuação dos protestos nas ruas contra o presidente Nicolás Maduro.

Os manifestantes exigem a demissão de alguns governantes incluindo o ministro do Interior, que acusam de ser responsável pela violência da polícia.

Perto de um ano depois de Hugo Chavez ter morrido, a Venezuela viu-se a braços com uma série de violentos protestos, sem comparação nos últimos dez anos.

Para muitos a memória de Chavez continua viva.

Milhões ficaram devastados com o desaparecimento do carismático Presidente com uma retórica anti-Estados Unidos adorada pelos seus apoiantes.