Última hora

Última hora

Crimeia: "Terroristas" é a palavra de ordem em manifestações pró e contra Moscovo

Em leitura:

Crimeia: "Terroristas" é a palavra de ordem em manifestações pró e contra Moscovo

Tamanho do texto Aa Aa

A península da discórdia, que traz para a rua os pró e os contra Moscovo, é a Crimeia.

Na capital russa, cerca de 500 pessoas manifestaram-se, esta segunda-feira, a favor da integração da Crimeia na Rússia, ao mesmo tempo que contestam o poder em vigor em Kiev.

“Os terroristas tomaram o poder, em Kiev, e destituíram o presidente legítimo. O presidente teve de fugir e o país está a ser dirigido por terroristas”, defende um manifestante.

‘Terroristas’ é também uma das palavras de ordem em Simferopol, na Crimeia, mas desta vez na boca de ucranianos.

Reunidos frente à sede da ATR – a única televisão pró-Ucrânia que ainda transmite, na Crimeia -, os manifestantes dizem ter medo do que se passa na província. “Quando vemos pessoas armadas sem qualquer insígnia nos uniformes, podemos considerar que são terroristas. E as autoridades são bandidos”, afirma uma jovem manifestante.

Na capital da Crimeia, os manifestantes defendem a integridade territorial da Ucrânia e protestam contra a realização do referendo sobre a adesão da península à Rússia.