Última hora

Última hora

Salão Automóvel de Genebra: os carros do Século XXI

Em leitura:

Salão Automóvel de Genebra: os carros do Século XXI

Tamanho do texto Aa Aa

Como todos os anos, no Salão Automóvel de Genebra, os fabricantes de automóveis mostram, em antevisão, os seus inovadores modelos quer em termos de design, desempenho e/ou baixo impacto ambiental.

Mas as surpresas vieram também de outros construtores, como a EDAG, especialista em aviação e voos espaciais, que apresentou um carro do futuro em três dimensões.

“Temos aqui um exemplo de como um carro pode ser construído de forma profissional, com impressão a 3D. Para criar um carro sem o uso de qualquer ferramenta. Esta seria uma verdadeira revolução para a indústria”, explica Christoph Horvath, porta-voz da empresa.

A fabricante suíça de automóveis Rinspeed apresenta o seu projeto autónomo “Xchange”. A lembrar uma sala móvel, com 20 configurações de assentos diferentes, este veículo tem televisão e uma máquina de café expresso, tudo para ser apreciado enquanto o carro se ocupa da condução.

“Quando conduzo em piloto automático não quero ver, à minha frente, o volante a girar para a esquerda ou para a direita. Quero ler, dormir, relaxar, ver filmes, notícias, fazer outra coisa”, afirma Frank Rinderknecht, o Presidente da marca.

Engenheiros da Universidade Metropolitana de Helsínquia juntaram-se a uma empresa finlandesa para apresentar um protótipo de um carro em madeira, um veículo compacto que utiliza biomateriais renováveis.

“Pretendemos legalizar este carro, passando por todo o processo, na Finlândia, para obter as matrículas, o que significa que poderemos conduzi-lo nas ruas”, explica Oscar Nissinen, engenheiro desta universidade.

A indústria automóvel caminha no sentido do alumínio, mas os fabricantes deste carro acreditam que as fibras de madeira e laminados de cânhamo podem substituir a fibra de vidro e plásticos.