Última hora

Última hora

Parlamento regional da Crimeia vota declaração de independência

Em leitura:

Parlamento regional da Crimeia vota declaração de independência

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades separatistas da Crimeia deram mais um passo em direção à anexação à Rússia.

Esta terça-feira adotaram uma declaração de independência, enquanto o diálogo de surdos entre Moscovo e Washington reduz a esperança de uma resolução pacífica da crise.

No Parlamento regional da Crimeia 78 dos 81 deputados aprovaram o texto, iniciativa que as autoridades de Kiev consideram ilegal.

“O parlamento da Crimeia tomou uma decisão sobre a chamada independência que é totalmente ilegal e viola a Constituição e as leis da Ucrânia. Mas eles fizeram isso porque temem que o referendo possa não ter lugar ou terá o resultado oposto ao que esperavam.”

Esta iniciativa parlamentar surge numa altura em que as forças russas controlam pontos estratégicos da península ucraniana.

A tensão entre russos e ocidentais é total e a visita, amanhã, a Washington, do primeiro-ministro da Ucrânia Arseniy Yatsenyuk para procurar a ajuda de Barack Obama não deverá desbloquear a situação.