Última hora

Última hora

Bombaim e Telavive revelam novas tendências da moda

Em leitura:

Bombaim e Telavive revelam novas tendências da moda

Tamanho do texto Aa Aa

Está a decorrer em Bombaim a Semana de Moda Lakmé, um evento bianual que junta em Bombaim os melhores estilistas indianos da atualidade. Em Israel, entretanto, já acabou a Semana de Moda de Telavive. As novas tendências nos respetivos países surpreenderam.

Começamos por Bombaim, onde a presença em massa das grandes estrelas femininas de Bollywood, a meca do cinema indiano, assistiu ao desfile da nova coleção do estilista Manish Malhotra, que abriu quarta-feira a “Lakmé Fashion Week”. Nascido em Londres há 48 anos, Malhotra é um dos mais bem-sucedidos estilistas da Índia.

Malhotra tem vestido muitas das principais atrizes de Bollywood. É famoso no seio da indústria do cinema indiano pelos diferentes estilos que abrange e pela habilidade na alta-costura.

Este ano, ele transformou a passerelle numa mini-floresta, com troncos de árvores esculpidos, flores e vinhas. Tudo para mostrar a nova coleção a que deu o nome de “A Summer Affair” (“Uma paixão de Verão”). Entre as estrelas de Bollywood presentes, Sonakshi Sinha não se ficou pela assistência. A atriz, de 26 anos, que também em experiência como estilista, deu expressão à linha de verão de Malhotra e desfilou mesmo, envergando uma tradicional Kurta de tons pretos e intricados brancos.

No final do desfile, Sonakshi Sinha voltou à passadeira para acompanhar o estilista nos agradecimentos. Manish Malhotra confessou-se admirador da atriz: “O que eu gosto na Sonakshi é que ela, sendo indiana, continua a transfigurar-se e a evoluir. Desde que entrou no filme “Lootera” (2013), têm feito diversos tipos de filmes e perdeu muito peso. É muito bom trabalhar com esta excelente atriz. Com todas as mudanças nela, há uma série de coisas que podemos fazer com ela.”

Alembik e Salem brilham
Terminou, entretanto, na quarta-feira, a Semana da Moda Gindi Telavive. A abrir o certamente, na segunda-feira, esteve Tamara Salem, a responsável criativa da Once, uma marca israelita reconhecida pela exclusividade.

A maioria das peças exibidas era de exemplares únicos. Os desenhos têm por base rendas antigas e outros têxteis tradicionais obervados um pouco por todo o Mundo. A inspiração das golas de renda e de alguns outros elementos utilizados parte das épocas vitoriana e eduardiana e vai até os meados do século XX.

Muitos dos elementos apresentados foram feitos à mão. O resultado são conjuntos únicos e elegantes, que nos contam a história de como era a moda antigamente e de como evoluiu nos estúdios da Once.

A segunda coleção a tomar a passerela em Telvive foi a da Alembika, a marca criada em 2005 por duas mulheres: a estilista Hagar Alembik e a, curiosamente, antropóloga Judith Fadlon.

Estruturas fortes combinaram com cores vivas e modernas. O conjunto ilustra a filosofia da Alembika em que a essência feminina reside na flexibilidade, na mudança e na fluidez.