Última hora

Última hora

Deflação paira sobre a Eurozona

Em leitura:

Deflação paira sobre a Eurozona

Tamanho do texto Aa Aa

A maior economia da Zona Euro mostrou os músculos em janeiro – as exportações alemãs cresceram mais que o esperado, mas também as importações, muito para gáudio da Comissão Europeia. Berlim reduziu assim um superavit da balança comercial que estava a afetar as relações com Bruxelas.

A poucas centenas de quilómetros, a Eslováquia é o mais recente país a viver uma queda nos preços, apesar de o Banco Central Europeu negar uma deflação ao estilo japonês.

Foi preciso muito tempo e vários pacotes de estímulo económico para o império do sol nascente sair da estagnação. Tóquio tenta levar a inflação de volta aos 2%, mas as medidas podem afetar o poder de compra da população. O primeiro-ministro japonês está a pedir às empresas que façam a sua parte.

Na China, algumas empresas estão a descobrir o lado negro do mercado livre. Depois do primeiro incumprimento de uma obrigação doméstica, o governo deu a entender que pode nem sempre intervir, ao contrário do que fazia no passado.