Última hora

Última hora

Parlamento da Crimeia vai nacionalizar bens e dissolver tropas leais a Kiev

Em leitura:

Parlamento da Crimeia vai nacionalizar bens e dissolver tropas leais a Kiev

Tamanho do texto Aa Aa

Independência, tropas ucranianas dissolvidas e nacionalização de bens públicos ucranianos, a Crimeia pede às Nações Unidas e a todos os países do mundo o reconhecimento como um estado independente e que Moscovo a aceite como novo membro da Federação russa.

Em Simferopol, o presidente do parlamento Vladimir Konstatinov anunciou igualmente que as forças armadas ucranianas serão dissolvidas e que os bens públicos do Estado ucraniano serão nacionalizados.

Num referendo considerado ilegal e apesar de apenas 60 % dos habitantes da Crimeia serem de origem russa, a adesão da república autónoma à federação russa recolheu 97% dos votos. Os dirigentes de facto afirmaram que a taxa de participação foi de 83%, mesmo com os ucranianos a favor de Kiev e o povo Tatar terem declarado boicote.

A seguir ao anúncio dos resultados, uma multidão saiu às ruas para celebrar ao som do hino russo e com fogo-de-artifício.

A Duma, o parlamento russo, vota a integração da Crimeia na sexta-feira.