Última hora

Última hora

Antigo corretor francês ilibado do pagamento de 4,9 mil milhões de euros

Em leitura:

Antigo corretor francês ilibado do pagamento de 4,9 mil milhões de euros

Tamanho do texto Aa Aa

O Supremo Tribunal de Justiça francês confirmou a condenação de Jérôme Kerviel, a três anos de prisão efetiva, mas ilibou o antigo corretor da Société Générale do pagamento de uma indemnização de 4,9 mil milhões de euros tal como exigia o banco.

Foi durante uma caminhada entre Roma e Paris contra “a tirania dos mercados” que Kerviel tomou conhecimento do que classificou de “uma excelente notícia.”

Acusado de ser responsável por perdas de cerca de 5 mil milhões de euros, o antigo funcionário bancário disse sempre que se limitou a cumprir ordens.

Em 2012 foi condenado por abuso de confiança, falsificação de documentos e introdução fraudulenta de dados no sistema informático do banco.