Última hora

Última hora

Segundo dia de greve na Grécia

Em leitura:

Segundo dia de greve na Grécia

Tamanho do texto Aa Aa

Na Grécia é o segundo dia de uma greve de 48h, contra a situação laboral do país, com demissões e a redução do valor dos salários no setor público, nos últimos quatro anos, devido ao programa de austeridade do governo. Centenas de pessoas manifestaram-se no centro de Atenas, enquanto os professores se concentravam frente ao Ministério da Reforma Administrativa, contra a redução de postos de trabalho.

“Não podemos ter uma vida decente sem dinheiro para sobreviver. Este governo empurrou-nos para baixo da linha da pobreza, em todos os sentidos”, afirma um grego.

Para cumprir os acordos estabelecidos com a “Troica” o executivo grego tem ainda muitos cortes pela frente. Ainda assim, encontrou uma solução para tentar serenar as hostes. Apesar da promessa do governo, de dar a alguns funcionários públicos e reformados uma pensão, cerca de meio milhão de euros, dos 2,9 mil milhões do excedente orçamental de 2013, as reduções drásticas nos salários de todos os funcionários do Estado, ao longo dos últimos quatro anos, faz com que meio milhão pareça uma gota no oceano.