Última hora

Última hora

Prosseguem as buscas do avião da Malaysia Airlines

Em leitura:

Prosseguem as buscas do avião da Malaysia Airlines

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 25 países participam nas operações de busca do avião da Malaysia Airlines desaparecido há 13 dias.

Durante uma conferência de imprensa, o ministro dos Transportes da Malásia, Hishammuddin Hussein, sublinhou a necessidade de verificar a pista anunciada pelas autoridades australianas que informaram ter detetado, por imagens de satélite, dois objetos possivelmente relacionados com o avião desaparecido, um dos quais mede 24 metros.

As buscas concentram-se numa vasta extensão do oceano com cerca de 23.000 quilómetros quadrados, a 2.500 quilómetros a sudoeste de Perth, a principal cidade da costa oeste australiana.

O ministro malaio anunciou ainda que solicitou ajuda especializada à França.

“Estive em contacto com a delegação francesa que é liderada pelo embaixador francês na Malásia e que inclui os homens que dirigiram a investigação da queda do voo 447 da Air France. Eles concordaram em nos ajudar com a sua vasta experiência e conhecimento”, disse Hishammuddin Hussein.

Entre as 239 pessoas a bordo do Boeing 777, desaparecido dos radares a 08 de março quando efetuava a ligação Kuala Lumpur – Pequim, figuram 153 cidadãos chineses.