Última hora

Última hora

Dakar 2015: Prova vai passar pela Argentina, Chile e Bolívia

Em leitura:

Dakar 2015: Prova vai passar pela Argentina, Chile e Bolívia

Tamanho do texto Aa Aa

O rali Dakar de 2015 vai começar e acabar em Buenos Aires.
A informação foi avançada esta quarta-feira pela organização da prova, em Paris. No total devem ser percorridos 9.000 quilómetros entre a Argentina, Chile e Bolívia, por onde já passaram as motos na edição de 2014.

O diretor da prova, Etienne Lavigne explica que “a Bolívia tem muitas dunas, as famosas dunas que adoramos e que queremos sempre mais. No próximo ano a competição vai passar pela Bolívia durante quatro dias, tanto para as motos, “quads” como para os carros. Com o passagem pelos famosos lagos salgados no planalto boliviano.”

Outra grande novidade será a realização de etapas maratona para todas as categorias: todos os pilotos vão ter de ser autossuficientes durante dois dias neste tipo de etapas.

2015 também ficará marcado pelo regresso da Peugeot ao Dakar, após 25 anos de ausência. A marca francesas quatro vezes vencedora da competição, quando ainda decorria em África, vai ter como pilotos Cyril Despres,cinco vezes vencedor do Rali Dakar em motos, e o espanhol Carlos Sainz. O antigo campeão do mundo de ralis considera que “o facto da Peugeot se juntar ao Rally Dakar é uma excelente notícia. Para mim fazer parte de uma equipa como a Peugeot, que venceu várias vezes nos anos 80 e 90 é um novo desafio. E mesmo para a organização é muito bom ter uma equipa oficial como esta em competição.”

A sétima edição “sul-americana” do rali todo-o-terreno mais famoso do mundo arranca da capital argentina a 4 de janeiro e termina a 17 de janeiro de 2015.