Última hora

Última hora

França e China unidas por fortes laços industriais

Em leitura:

França e China unidas por fortes laços industriais

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente chinês prossegue esta quarta-feira uma visita de três dias a França.

Xi Jinping reuniu-se esta tarde com François Hollande, no Palácio do Eliseu. Na agenda do encontro estão as relações comerciais entre os dois países e, nomeadamente, contratos importantes nos setores automóvel, aeronáutico, nuclear civil e saúde.

A visita do presidente chinês começou na terça-feira à noite, em Lyon, cidade pioneira no acolhimento de estudantes chineses em França e capital de uma região que mantém relações privilegiadas com Pequim. O Centro Cultural Chinês foi, por isso, a primeira etapa para a comitiva chinesa.

Outro dos pontos altos da deslocação na região Ródano-Alpes foi a visita ao centro de investigação biomédica, BioMérieux, que tem laboratórios também na China.

As relações bilaterais Pequim-Paris passam por um período extremamente positivo. François Hollande foi o primeiro líder mundial a visitar Pequim após a chegada à presidência de Xi Jinping, em 2013.

O nosso repórter, Fabien Farge, está a acompanhar a visita do presidente chinês ao hexágono:

“Depois de Lyon e da região Ródano-Alpes e da celebração dos laços ao nível industrial e educativo com a China, começa a etapa parisiense desta visita de três dias – a primeira do presidente chinês, Xi Jinping. É o encontro esperado com François Hollande, o presidente da República francesa, com a assinatura de contratos comerciais muito importantes”.