Última hora

Última hora

O sindicalista mexicano que inspirou Obama

Em leitura:

O sindicalista mexicano que inspirou Obama

Tamanho do texto Aa Aa

“César Chávez” talvez seja para muitos um nome desconhecido mas o sindicalista mexicano fica para a história como o homem que inspirou o slogan de Barack Obama “Yes we can”.

Chávez (1927-1993) é hoje um símbolo da luta pacífica a favor dos direitos dos trabalhadores agrícolas precários nos Estados Unidos.

O filme “César Chávez” do realizador mexicano Diego Luna conta a luta do ativista para conseguir reunir dezenas de milhares de trabalhadores e criar um sindicato nos anos 60.

O ator norte-americano de origem mexicana Michael Peña incarna a personagem principal. John Malkovitch desempenha o papel de um industrial que se opõe ao projeto.

A estreia do filme decorreu na quinta-feira em Los Angeles.

“É uma mensagem para todos os que fazem filmes neste país: têm que fazer histórias sobre nós e celebrar as nossas experiências e os nossos heróis. Foi o que fizemos, foram precisos quatro anos. Tenho este sorriso idiota porque não consigo parar de pensar em tudo o que foi preciso para conseguir chegar aqui”, disse o realizador mexicano.

“Quero que os latinos e povo mexicano se sintam orgulhosos e que as pessoas se divirtam. Tive a sorte de poder fazer este filme e queria que o público gostasse”, afirmou Michael Peña.

O filme foi apresentado na última Berlinale e acaba de estrear nos Estados Unidos.