Última hora

Em leitura:

Coreia do Norte ameaça com novos testes nucleares


Coreia do Norte

Coreia do Norte ameaça com novos testes nucleares

A Coreia do Norte anunciou este domingo, numa comunicação do ministro dos Negocios Estrangeiros pela agência oficial KCNA, estar a ponderar um novo tipo de teste nuclear. O governo de Pyongyang justifica os novos testes como um alegado reforço do armamento de dissuasão nuclear de que dispõe.

A ameaça pode ser vista, por outro lado, como resposta às manobras militares realizadas em conjunto em fevereiro pelos vizinhos da Coreia do Sul e os Estados Unidos, mas sobretudo à condenação pelas Nações Unidas (ONU) dos recentes testes balísticos com mísseis realizados pela Coreia do Norte na última semana.

O regime liderado por Kim Jong Un considerou “absolutamente intolerável que o Conselho de Segurança da ONU feche os olhos aos exercícios de guerra nuclear dos Estados Unidos, denunciando por outro lado os testes de autodefesa com lançamento de mísseis do Exército Popular Coreano (KPA), considerando-os uma ‘violação de resoluções’ e a uma ‘ameaça à paz e seguranças internacionais’”. “Por isso estamos prontos a dar o ‘passo apropriado’”, concluiu o responsável diplomático da Coreia do Norte.

No anúncio, é revelado ainda que os testes em ponderação em Pyongyang para uma eventual defesa contra os Estados Unidos envolvem “uma dissuasão nuclear mais diversificada” para atingir alvos de médio e longo alcance com “uma variada capacidade de força.”

Os testes nucleares em ponderação seriam os quartos a ser realizados pela Coreia do Norte. Os primeiros ocorreram em outubro de 2006, os segundos em maio de 2009 e os últimos, até agora, foram em fevereiro do ano passado.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Mais de 100 mil protestam em Taiwan contra acordo com a China