Última hora

Última hora

Ucrânia: Petro Porochenko e Iulia Timochenko principais candidatos às eleições presidenciais

Em leitura:

Ucrânia: Petro Porochenko e Iulia Timochenko principais candidatos às eleições presidenciais

Tamanho do texto Aa Aa

Petro Porochenko e Iulia Timochenko são os principais candidatos às eleições presidenciais ucranianas previstas para 25 de maio.

Porochenko já foi ministro dos Negócios Estrangeiros, entre 2009 e 2010, e ministro da Economia, em 2012.

Com 48 anos, é apoiado por Vitali Klitschko, um dos responsáveis do movimento pró-europeu na Ucrânia, que anunciou sexta-feira a desistência da corrida presidencial.

“Perante uma situação de agressão ao nosso país, as prioridades são preservar a soberania e integridade territorial da Ucrânia. Teremos também de trabalhar acerca da unidade do nosso país”, declarou Petro Porochenko.

Iulia Timochenko, de 53 anos, foi primeira-ministra e figura emblemática da Revolução Laranja.

Nas presidenciais de 2010 perdeu por margem mínima para Viktor Ianukovich.

No ano seguinte foi condenada a sete anos de prisão por abuso de poder. Foi libertada no dia 22 de fevereiro.

“Se a Ucrânia me escolher para Presidente, não deixarei o agressor tomar um centímetro que seja de terra ucraniana, sem uma resposta conveniente”, afirmou Timochenko.

O Partido das Regiões, que já foi liderado pelo deposto Viktor Ianukovich, apresentou Mykhaylo Dobkin como seu candidato presidencial.

Com 44 anos, já foi governador da região de Kharkiv e apoiante do presidente deposto.

“Como temos relações mais ou menos boas com a Europa e os Estados Unidos também ajudam, precisamos de restabelecer boas relações com a Federação Russa. Será o que eu farei”, disse Dobkin.

As eleições presidenciais surgem na sequência de uma crise política que colocou o país à beira da bancarrota e levou à anexação da república autónoma da Crimeia pela Rússia.