Última hora

Última hora

Itália: Detidos independentistas do Véneto

Em leitura:

Itália: Detidos independentistas do Véneto

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia italiana prendeu esta quarta-feira 24 pessoas que planeavam ações violentas com vista à independência da região do Véneto, no nordeste do país, cuja capital é Veneza.

Durante a operação foi apreendido o que parece ser um tanque que o grupo construía para utilizar num ato violento na Praça de São Marcos.

Os detidos são acusados de terrorismo, de tentativa de subverter a ordem democrática e de fabricar armas de guerra.

Segundo os investigadores as pessoas presas integram vários grupos separatistas que reivindicam a independência do Véneto.

Segundo a imprensa italiana, os detidos queriam repetir a mesma ação levada a cabo na noite dos dias 8 e 9 de maio de 1997, em que a Praça São Marcos foi ocupada com um veículo blindado de construção artesanal, dotado de um lança-chamas.

Um grupo separatista organizou uma sondagem na internet cujos resultados apontaram para uma grande maioria a favor da independência.

Alguns órgãos de comunicação social revelaram terem existido fraudes na elaboração e informatização dos resultados.