Última hora

Última hora

O glamour da moda italiana

Em leitura:

O glamour da moda italiana

Tamanho do texto Aa Aa

Estilistas das mais prestigiadas marcas e numerosas celebridades marcaram presença em Londres numa exposição dedicada à moda italiana.

Tom Ford esteve na inauguração do evento.

“Penso que o fabrico artesanal é o aspeto mais interessante dos produtos italianos. Há uma qualidade e uma forma de fazer as coisas…é difícil explicá-lo com palavras”, afirmou o estilista norte-americano.

“Penso que eles adoram o corpo da mulher e querem que as mulheres tenham uma aparência fabulosa e isso agrada-me”, sublinhou a atriz Elizabeth Hurley.

A exposição desenrola-se de forma cronológica, de 1945 até aos dias de hoje.

Prada, Gucci, Armani e Versace são alguns dos nomes que simbolizam o glamour italiano.

“Christian Dior relançou a indústria da alta-costura francesa em 1947 com um novo visual e Giorgini representa a mesma coisa para a indústria da moda italiana. Os desfiles dele chamaram a atenção para a moda italiana pela primeira vez”, sublinha Sonnet Stanfill, curadora da exposição.

A mostra pode ser visitada no Victoria and Albert Museum, em Londres, até 27 de julho.