Última hora

Última hora

Liga dos Campeões: Demba Ba foi o herói improvável, Casillas o habitual

Em leitura:

Liga dos Campeões: Demba Ba foi o herói improvável, Casillas o habitual

Tamanho do texto Aa Aa

Demba Ba foi o herói em Stamford Bridge. O atacante senegalês não tem tido muitas oportunidades para brilhar com José Mourinho mas esta terça-feira foi o herói ao apontar o golo que colocou o Chelsea nas meias-finais da Liga dos Campeões a três minutos do noventa.

Os londrinos, que haviam sido derrotados por 3-1 no Parque dos Príncipes, abriram o ativo à passagem da meia hora de jogo por intermédio de André Schürrle, que tinha entrado pouco antes a substituir o lesionado Eden Hazard.

Metade do trabalho estava feito mas faltava o mais difícil. Sobretudo porque quando mais tentavam forçar o segundo golo, mais espaços se abriam na defensiva inglesa. Felizmente para a equipa de José Mourinho, Edinson Cavani estava em noite não.

Schürrle e Óscar ainda acertaram no ferro da baliza de Sirigu mas estava escrito que o herói da partida seria Demba Ba. Um golo com pouca nota artística mas digno de um ponta-de-lança.

O Chelsea segue para as meias-finais. O PSG fica-se novamente pelos quartos-de-final.

Valeu São Casillas

Em Dortmund, o Borussia perdeu uma oportunidade de ouro para conseguir uma reviravolta histórica. Os espanhóis até tiveram oportunidade para resolver a eliminatória logo aos 17 minutos mas Angel di María desperdiçou uma grande penalidade.

A partir daí, só deu Borussia. Os alemães vulgarizaram o Real Madrid e chegaram ao descanso a vencer por 2-0. Marco Reus aproveitou as debilidades da defensiva merengue para bisar.

No segundo tempo, mais do mesmo. Com Cristiano Ronaldo a sofrer no banco de suplentes e Fábio Coentrão a sofrer na lateral esquerda, o Borussia fazia tudo o que queria… menos o golo.

Nem se podem queixar de falta da oportunidades. Valeu ao Real mais uma noite inspirada de Iker Casillas.

Os alemães ficaram a um golo de forçar o prolongamento. O Real sofreu mas continua a sonhar em levantar a décima no Estádio da Luz.