Última hora

Última hora

ONU vai enviar 12.000 capacetes azuis para a República Centro Africana

Em leitura:

ONU vai enviar 12.000 capacetes azuis para a República Centro Africana

Tamanho do texto Aa Aa

O Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou, por unanimidade, uma resolução autorizando o envio, em setembro, de 12.000 capacetes azuis, para repor a ordem e a segurança na República Centro Africana.

O documento foi apresentado pela França, que já tem 2 000 soldados na antiga colónia.

Segundo o embaixador francês nas Nações Unidas, “a situação da segurança na República Centro Africana continua a ser volátil. As tropas da União Africana, apoiadas pelos militares franceses têm realizado um grande trabalho para proteger os civis, mas ainda não é suficiente. A resolução que acabou de ser adotada é um momento de viragem”, considerou Gerard Araud.

Esta quarta-feira, os Estados Unidos anunciaram a atribuição de cerca de 15 milhões de euros em ajuda humanitária suplementar à República Centro Africana, assolada, há um ano, pela guerra civil.

Para o ministro dos Negócios Estrangeiros do país africano, “as Nações Unidas ou a comunidade internacional nunca serão capazes de resolver os problemas de um dado país. Mas a ONU irá criar o quadro necessário para que os cidadãos da República Centro Africana se sentem à mesa e conversem, de forma a encontrar uma solução duradoura para a crise”.

A violência estalou no país em março de 2013, depois de a coligação Séléka, de maioria muçulmana, ter derrubado o governo, maioritariamente cristão, liderado por François Bozizé.

Desde então a República Centro Africana vive numa espiral de violência sectária. As vítimas mortais contam-se já aos milhares.