Última hora

Última hora

Turquia: Centenas manifestam-se contra sentença de morte de 529 egípcios

Em leitura:

Turquia: Centenas manifestam-se contra sentença de morte de 529 egípcios

Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de pessoas manifestaram-se, esta sexta-feira, em Istambul, na Turquia, contra a sentença de morte de 529 egípcios.

Os contestatários querem que as autoridades do Egito revoguem a decisão.

Aqueles que têm feito campanha contra o golpe militar no Egito estão, outra vez, nas ruas. Agora protestam contra as execuções. Querem que as autoridades revertam a decisão”.

A 24 de março, um tribunal do Egito, condenou à pena de morte 529 membros da ilegalizada Irmandade Muçulmana. Os islamitas foram acusados do assassinato de um polícia, tentativa de assassinato e ataque a uma esquadra da polícia, entre outros atos de violência.

As manifestações contra a sentença têm-se feito sentir em muitos países, em especial na Turquia.

Esta manifestante afirma que não querem que “os nossos irmãos muçulmanos sejam executados. Estamos aqui para impedir isso, fazer com que as nossas vozes sejam ouvidas. As nossas orações estão com eles”.

“Se estivéssemos sem esperança, se não acreditássemos que a decisão pudesse ser revogada, teríamos luto aqui. Mas, como pode ver, há um sentimento de alegria aqui. Acreditamos que as execuções podem ser paradas e que alguém vai ouvir as nossas vozes “, afirma uma turca.

A maioria dos arguidos foi detida durante os confrontos na província de Minya, a sul do Cairo, em agosto de 2013.

Depois da destituição do presidente Mohamed Morsi, em julho, centenas de membros da Irmandade Muçulmana foram mortos e milhares foram presos pelas forças de segurança.