Última hora

Última hora

ONU aprova envio de forças para RCA

Em leitura:

ONU aprova envio de forças para RCA

Tamanho do texto Aa Aa

Os residentes da capital da República Centro-Africana, Bangui, afirmam que a decisão da ONU de enviar um contingente de forças de manutenção da paz vem tarde de mais.

A violência agravou-se depois de rebeldes muçulmanos terem conquistado o poder há um ano.

O contingente da ONU inclui 12 mil homens prevendo-se a entrada no país em outubro. Muitos contudo acreditam que a ONU chega atrde de mais.

Os rebeldes, maioritariamente da etnia Seleka, cometeram abusos contra a maioria cristã.

Os abusos deram origem a uma vaga de ataques contra comunidades muçulmanas.

“Se tivessem poder deviam ter vindo antes dos massacres. Mas não estavam cá. As pessoas pediram ajuda mas eles chegam sempre tarde de mais. Agora fala-se em Outubro.

“Os capacetes azuis são necessários aqui em Bangui. Sofremos muito, morreu muita gente, não só no bairro mas por todo o lado. Os capacetes azuis precisam de vir depressa”.

O conflito poderá agravar-se. Na capital, Bangui, as comunidades muçulmanas encontram-se cada vez mais isoladas.

Um contingente francês com cerca de dois mil homens encontra-se no país assim como forças da União Africana.

Em maio está prevista a chegada de um contingente militar da União Europeia.