Última hora

Última hora

Boxe: O regresso de Pacman

Em leitura:

Boxe: O regresso de Pacman

Tamanho do texto Aa Aa

Manny Pacquiao reconquistou o título de pesos médios, da Organização Mundial de Boxe, ao derrotar o seu rival Timothy Bradley.

A decisão foi unânime para os juízes, o filipino de 35 anos, também conhecido por Pacman, que tinha perdido o título para o americano em 2012, saiu vencedor.

Bradley reconheceu a superioridade do adversário, que acumula 17 títulos no boxe:

“O Pacquiao esteve melhor esta noite do que eu, mostrou aquilo de que é feito, continua a dar cartas. A razão pela qual eu gosto dele é porque respeita um adversário, está sempre disposto a enfrentar os melhores, enfrentou um dos melhores hoje à noite e saiu vencedor. Por isso, Manny Pacquiao é o verdadeiro campeão, um lutador incrível e eu tenho muito respeito por ele e pela sua equipa.”

O confronto aconteceu na noite de sábado, na arena da MGM, a mesma onde se deu o primeiro embate entre os pugilistas, em Las Vegas. Na altura, a vitória do americano não foi unânime para os juízes, criando uma onda de contestação.