Última hora

Última hora

Chile: 11 mortos em incêndio em Valparaiso

Em leitura:

Chile: 11 mortos em incêndio em Valparaiso

Tamanho do texto Aa Aa

Os governos de El Salvador e do Panamá enviaram condolências e ofereceram ajuda ao Chile para lidar com os efeitos do gigantesco incêndio que fez pelo menos onze mortos na cidade portuária de Valparaiso.

As chamas destruíram 700 hectares de floresta e propagaram-se pelas colinas residenciais de La Cruz e Las Canas, destruíndo 500 habitações e obrigando a deslocar cerca de 10.000 pessoas.

A presidente chilena, Michelle Bachelet, decretou o estado de emergência, permitindo a mobilização de militares para as operações de assistência e evacuação.

Uma residente explica que o incêndio estava bastante próximo da sua casa e, por isso, só teve tempo de “pegar nas crianças, nos animais de estimação e alguma roupa” antes de ser deslocada pelas autoridades para uma escola nas proximidades.

Segundo o presidente da Câmara de Valparaiso, é o pior incêndio na história da cidade de 900.000 habitantes, embora as chamas não tenham atingido nem o porto, nem o bairro histórico, inscrito como património mundial da Unesco.