Última hora

Última hora

Atentado de Boston foi há um ano

Em leitura:

Atentado de Boston foi há um ano

Tamanho do texto Aa Aa

Para os sobreviventes do atentado da maratona de Boston, ocorrido há um ano, o desafio de ultrapassar o obstáculo das marcas deixadas é constante e uma oportunidade para novas e importantes descobertas pessoais.

“Acho que as pessoas não sabem do que são capazes até terem de o fazer.
A maioria quer regressar à normalidade e é isso que eu também quero. Parece um pouco banal, mas eu só quero ser normal. Como era antes de 15 de abril”, disse Roseann Sdoia

“Descobri que sou muito mais forte e resistente do que alguma vez imaginei”, afirmou Heather Abbott.

Há exatamente 365 dias o rebentamento de dois engenhos explosivos junto à linha de meta matou três pessoas e feriu 264, muitas sofrendo a amputação de membros inferiores.

Dias depois os autores do atentado foram identificados: Dzhokhar e Tamerlan Tsarnaev, irmãos, de origem chechena.

Tamerlan, de 26 anos, foi morto pela polícia; Dzhokhar, atualmente com 20 anos, foi preso e aguarda julgamento. É acusado de 30 crimes, e o governo norte-americano anunciou que pedirá a pena de morte.

A maratona de Boston, disputada desde 1897, realiza-se este ano no dia 21 de abril.

Os organizadores aumentaram o número de inscritos de 27.000, para 36.000.

Entre as novas medidas de segurança, foi anunciada aos participantes a proibição de mochilas, garrafas de vidro e qualquer recipiente que contenha mais de um litro de líquido.