Última hora

Última hora

Naufrágio de ferry terá provocado mais de 300 mortos

Em leitura:

Naufrágio de ferry terá provocado mais de 300 mortos

Tamanho do texto Aa Aa

Foi a enterrar um dos professores que terá impedido que mais estudantes perdessem a vida no naufrágio de um ferry sul-coreano esta quarta-feira.

Até ao momento foram recuperados 58 corpos. As autoridades admitem, agora, que mais de 300 pessoas tenham morrido no acidente.

Os familiares das vítimas não se conformam com a lentidão das operações e em sinal de protesto concentraram-se na ilha de Jindo, no sudoeste da península coreana. O objetivo era seguir em direção a Seul, mas foram travados pela polícia.

Até há bem pouco tempo, muitos acreditavam na existência de bolsas de ar no interior do navio. As condições meteorológicas dificultaram as operações de socorro e a entrada dos mergulhadores na embarcação só aconteceu recentemente.

No interior viram vários corpos que começam a ser recuperados, mas autoridades admitem que as operações se possam prolongar durante dois meses.

A bordo do ferry seguiam mais de 470 pessoas a maioria estudantes. 174 foram resgatadas com vida.

As causas do acidente estão, ainda, a ser investigadas.

O tempo máximo de prisão preventiva para o capitão e dois elementos da tripulação foi, entretanto, alargado.