Última hora

Última hora

Adeptos divididos sobre despedimento de Moyes

Em leitura:

Adeptos divididos sobre despedimento de Moyes

Tamanho do texto Aa Aa

O despedimento de David Moyes está a suscitar todo o tipo de reações junto dos adeptos do Manchester United. As comparações com Alex Ferguson, que comandou o clube durante 27 anos, são inevitáveis.

“Moyes conseguiu este posto porque é capaz de trabalhar com baixos orçamentos. Ele pode dizer o que Ferguson disse durante anos a fio – que nem sempre o dinheiro corresponde ao valor de mercado. Mas vejamos: David Silva, que custava 23 milhões, poderia ter sido um excelente substituto para Paul Scholes. Yaya Touré, por 25 milhões, poderia ser o médio de que precisávamos. Mas essas contratações não aconteceram”, diz o jornalista Terry Christian.

Para Roy Johnson, adepto do clube, “há uma certa relutância em dar a alguém como Moyes 150 ou 200 milhões de libras para que ele compre os jogadores de que o United precisa para o futuro”.

Sir Alex Ferguson demorou mais de três anos a conseguir um troféu como treinador do Manchester United. Foi até vítima de uma campanha para que o despedissem. Os apoiantes de David Moyes dizem que ele teria precisado de mais tempo para compor as coisas, mas o futebol inglês de hoje é diferente do que era há uns anos. O dinheiro e o sucesso comercial são tudo. O falhanço na qualificação para a Liga dos Campeões da próxima época vai custar cerca de 50 milhões de euros. Reportagem do enviado especial da euronews a Manchester, James Franey.