Última hora

Em leitura:

Bielorrússia: Presidente preocupado com possível invasão


Bielorrússia

Bielorrússia: Presidente preocupado com possível invasão

O Presidente bielorrusso está preocupado com o agravamento da crise na Ucrânia. Num discurso ao Parlamento, Aleksander Lukashenko, incitou a população a defender “por todos os meios” a independência do país, uma tomada de posição que demonstra que o Chefe de Estado teme uma invasão russa:

“Todas as questões geopolíticas, especialmente as da Europa de Leste, vão certamente afetar-nos. Nesta situação devemos manter a coisa que nos é mais valiosa: a independência do nosso país, o direito sagrado de viver na nossa terra e escolher o nosso destino, por nós próprios.”

Desde o início da crise, que Minsk se tem mostrado muito reservada em relação aos acontecimentos na Ucrânia e à atitude de Moscovo.

A economia da Bielorrússia, estado fronteiriço da União Europeia e da Rússia, é altamente dependente do fornecimento de gás e do petróleo russos. O país faz parte da União Aduaneira promovida pela Rússia.