Última hora

Última hora

Passaram 28 anos sobre acidente nuclear de Chernobyl

Em leitura:

Passaram 28 anos sobre acidente nuclear de Chernobyl

Tamanho do texto Aa Aa

É com uma vigília em Kiev que dezenas de ucranianos assinalam os 28 anos do acidente nuclear de Chernobyl.

A explosão no quarto reator da central provocou a morte imediata a 30 pessoas, milhares foram evacuadas.

Para a atmosfera foram libertados manterias com níveis de radioatividade, equivalentes a 500 bombas atómicas como a que foi lançada sobre Hiroshima.

“Este dia serve para homenagear as vítimas. Trabalhei na central nuclear de Chernobyl e conheci todas as pessoas que aqui têm gravado o nome. Trabalhávamos juntos. Isto faz parte da nossa memória, uma memória dolorosa” refere Yuriy Cherkashun, antigo funcionário da central de Chernobyl.

Vários países da Escandinávia e da Europa Central foram atingidos pela nuvem radioativa.

Passados 28 anos é, ainda, difícil avaliar a verdadeira dimensão da catástrofe.

Estima-se que 200 mil pessoas tenham morrido. Muitas nos anos seguintes à tragédia, vítimas de cancro. O acidente nuclear de Chernobyl continua, ainda, hoje a matar.